Buscar inspiração – Portcullis

Dia 2 – Jogo 1

Bem seguindo o Método v.1 estou na fase de concepção. A inspiração para janeiro/2013 é Portcullis, mais um tileset de um castelo. Mas afinal, que p@#X#  é um Portcullis? Vide as imagens se ficou curioso. O primeiro momento é paralisia total principalmente quando tu acompanha no Twitter que em menos de 48 horas já existem pessoas postando o jogo! Para tudo! Eu nem tive ideia pro jogo e já tem gente finalizando?!?! Esqueça o mundo e mantenha o foco.

Para meu primeiro dia efetivamente buscando inspiração para o jogo busquei dois referenciais teóricos básicos:

Um tema é algo muito pontual temos que abrir a mente, abrir a caixa e sair atrás de novas conexões, novos modelos mentais, novas palavras chaves, novos substratos para ajudar a compor o conceito. Uma coisa bacana é pensar em extreme users (pessoas que não são o público-alvo do jogo, mas que são extremos que nunca jogam ou jogam demais. Conhecê-las pode gerar insights bacanas). Estou procurando utilizar o processo de design chamado Double Diamond. Estou em busca de encontrar necessidades dos usuários, experiências legais, lacunas poucos preenchidas. Não posso levar 30 dias para isso, quero fechar o conceito inicial em breve.

Abaixo vou relatar uma série de passos que segui com os resultados de cada passo. Uma advertência importante ainda não tem nada fechado só fragmentos, abertura, divagações, devaneios. A palavra é decomposição. Quebrei o portcullis.

Passo 1 – Ir ao mundo!

Entender mais sobre portões, portinholas, castelos e coisinhas do gênero. Então pra mim a melhor ferramenta são os mapas mentais. Dá pra criar uma bela radiografia de conceitos que nascem totalmente soltos. Utilizei a versão free do mindmeister. O mapa que está sendo gerado tentei “embeded” aqui, mas não rolou, então segue o link.

Lista de jogos (alguns foram jogados, outros vi o vídeo)

Lista de coisas

  • Cenário bizarro
  • Dark fantasy
  • Heavy metal
  • Necromânticos são legais!
  • Atirar flechas e virar óleo quente é mais divertido do que ficar embaixo do muro recebendo as flechas e o óleo quente
  • Mecânicas:  #136 Three Tactics e #055 Amalgam

Passo 2 – Explorando mais conceitos

Nesta etapa recorri algumas técnicas do livro Game Stoming adaptando para os games e para uma única pessoa. A principal técnica usada foi a Heuristic Ideation Technique.  Criei uma matriz com dois atributos: Gênero (Tower defense, God game, Simulation, Sandbox e Action) e Elementos (Role-playing, Gerenciamento de recursos e Tática). Dai surgiram 10 possíveis combinações (lembrando que algumas não são nada criativas, mas quem sabe sendo combinadas, reagrupadas, podem dar em alguma coisa):

  1. Heróis, evolução das torres e habilidades especiais
  2. Uma entidade mágica evoluindo conforme as ações feitas em um castelo
  3. Criação de dungeons e compartilhamento
  4. Jogo de ação com personagens evoluindo
  5. Produção de recursos especiais para criação de torres
  6. Divindade inspirando o povo no combate e na produção
  7. Simulador de castelo
  8. Battle Arena (MOBA)
  9. Um jogo de tactics, mas os oponentes são waves.
  10. Dungeon crawler + lost vikings

Passo 3 – Resumão

Outra ferramenta online free bacana é o Lino It. Dá pra fazer um quadro com post its. Estou colocando os principais pontos aqui:

Importante destacar que meu público-alvo é o mid-core (vou falar dele um dia qualquer com mais detalhe), mas em suma:

  • deseja uma mecânica mais complexa
  • não possui muito tempo, logo sessões curtas são importantes
  • evitar excesso de fofura e cute cute

Well, se você chegou até aqui sinta-se a vontade para comentar meu post. Sugestões serão muito bem vindas! Se teve algum insight durante a leitura pode despejar logo ai embaixo 😀 Próximo passo convergir tudo isso, extrair pérolas em um conceito (game concept).

Anúncios

5 comentários sobre “Buscar inspiração – Portcullis

  1. Boa! Ta nascendo hein haha A idéia de criar uma matriz e ver as possiveis combinações é muito boa, o Julio já tinha me mostrado mas tinha esquecido hehe Vou tentar usar ela nesse findi pra fazer um game pro http://www.indiespeedrun.com. Continua postando aqui que a cada post ajuda a gente ou com algum insight ou com sites úteis como o squidi.net que não conhecia e achei muito útil e o mindmeister. Da uma olhada nesse tmbm, acho que pode ser útil no processo de criação: http://beta.mural.ly/

    Abraço!

    1. Olá Reinaldo
      Obrigado pelo retorno. Pra mim é super importante, fico muito contente em saber que os posts estão ajudando. Minha principal motivação é exatamente compartilhar experiências, conhecimentos, além da diversão de criar os games. Excelente a dica do Mural.ly Provavelmente já vou usá-lo na próxima etapa hehe
      Forte abraço!

      1. Oi Klein
        Essa é a minha idéia favorita também 😀
        Mas acredito que não teria tempo hábil para desenvolvê-la em tão curto período
        Forte abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s